Arquivo para junho \30\UTC 2010

30
jun
10

cores segundo o gênero

25
jun
10

Copa 2006: Onde foi mesmo?

Alemanha?

 

Em 2006, eu estava me formando em Física, e por isso, tinha preocupações mais importantes do que acompanhar esse mundial. Principalmente depois da morte do Bussunda… A seleção não ía muito bem, apesar do “quadrado mágico” composto por Ronaldo, Ronaldinho, Adriano e Kaká, e que o Galvão Bueno pagava maior pau…

Mesmo assim, a seleção brasileira caiu nas quartas de final, num duelo com a França de Zidane, novamente…

22
jun
10

Deputados assinam PEC sem ler!!!

É esse tipo de gente que governa o Brasil… PHODA!!!

Parabéns ao CQC por realizar este tipo de matéria! Bom para ver em quem NÃO votar!

21
jun
10

Mineirão fechado para reforma

Será que fica assim?

21
jun
10

2002: a copa do sono e do penta

Do mundial de 2002, nem tenho muito o que falar. Fui uma pessoa totalmente ausente com relação àquela Copa. Realizada do outro lado do mundo, os jogos eram transmitidos de madrugada (ou de manhã bem cedo), e como o Brasil vinha muito desacreditado, preferia a cama do que aguentar o Galvão Bueno dizer RRRRRRonaldinhooooo, RRRRRRRoberto Carrrrrrlos, RRRRRRRRivaldo, RRRRRRRicardinho, RRRRRRRonaldo Fenôooomeno….

Enfim, não vi nenhum jogo desta copa. Verdade! Nem a final? Brasil x Alemanha, Domingo, 30 de junho, 8 horas da manhã? Esse eu vi… Só o segundo tempo.

Foi a Copa do tão esperado Penta, mas a meu ver foi um campeonato sem brilho, sem emoção. Depois do jogo, lembro que ainda meio confuso com tudo aquilo, recebo o telefonema do Vaca e do Rodrigo me chamando para comemorar (entende-se bebemorar) no alto da Afonso Pena. Eu até fui, mas não os encontrei pois não tinha celular na época… No mais, só lembro que estava eu com meus 22 anos, entrando na faculdade de Física e trabalhando no Tancredão, o Ronaldo estava com um cabelo horrível de Cascão e a Ivete Sangalo não parava de cantar “E vai rolar a festa…..”

Bons tempos!

17
jun
10

Copa 98: polêmica na final

Quatro anos após o Tetra, o Brasil vai à Copa na França. A seleção composta por vários tetracampeões como Dunga, Bebeto, Tafarel, etc, desta vez era comandada por Zagalo “Vocês vão ter que me engolir!”. Romário chorava ao não ser escalado e Ronaldo virava Fenômeno.

Lembro que estava bastante desanimado com esta Copa. Não cheguei a assistir todos os jogos do Brasil. O CEFET estava de greve, Titanic estava nos cinemas, a 98 FM e a Savassi FM eram ótimas e eu idolatrava mais a MTV do que a Copa. A Copa de Clipes apresentada pela Sabrina e pelo Gastão era ótima.

Mas o Brasil foi vencendo, e chega à final… Com a França… de Zidane… que faz dois gols… Após convulsão de Ronaldo… Jogo polêmico… O Brasil adia o pentacampeonato.

 

16
jun
10

1994: Brasil é Tretacampeão!

Em 1994, a Copa foi sediada nos Estados Unidos. E lá foi a seleção novamente em busca do tetra, quase a mesma seleção de 1990. Mas desta vez, não teve para Maradona. Esta Copa era do Brasil, e era do Romário!

Foi a primeira Copa que eu efetivamente assisti a todos os jogos. Do primeiro ao último. Tinha 14 anos, estava na 7ª série, estudava no Cônsul à noite, e tinha que ir pra aula depois dos jogos do Brasil! Lembro das cornetas, das ruas enfeitadas e pintadas de verde-amarelo, da locução ímpar do Galvão Bueno, dos comentários pares do Pelé, do “Sai que é sua Tafarel“, do “Haja coração“, da tabela da copa que eu tinha, mas que não tenho idéia de onde foi parar, de meu pai dizendo na final “Já era. O Brasil não vence este jogo!“…

Daquele domingo, dia 17 de julho. Brasil x Itália. A Itália de Itália de Baggio, Albertini, Pagliuca… 90 minutos sem gols, prorrogação mata a mata sem gols, pênaltis… O Brasil erra. A itália também erra. Gol de Romário, Branco, Dunga… E Baggio. Defesa de Tafarel. E o Galvão enlouquecido “Partiu! Bateu! Acabou! Acabou! Acabou! É tetra! É tetra! É tetra! O Brasil é tetracampeão mundial de futebol!

É! E depois de 24 anos, o Brasil era TRETA!